Two and a half Men

A série de TV Two and a half men é atualmente uma das mais bem sucedidas comédias dos Estados Unidos e na América Latina. A produção  exibida no Brasil pelo canal fechado Warner . Em sua oitava temporada, a série mantém altos índices de audiência, agradando a públicos de diversas classes sociais e faixas etárias. Muito além de uma comédia familiar, Two and half men traz grandes inovações ao gênero, crescendo na opinião até mesmo da crítica.

A história gira em torno de Charlie Harper, interpretado com maestria pelo ator Charlie Sheen. Charlie é um compositor de jingles, solteirao de meia idade, que vive em sua luxuosa casa de praia em Malibu, Califórnia. Com boa aparência e uma gorda conta bancária, ele vive a vida dos sonhos de muitos homens, saindo com lindas mulheres, porém sem manter nenhum contato que não seja sexual com elas. Porém sua  vida sofre uma mudança, quando seu irmão caçula, Alan (Jon Cryer) chega para morar em sua casa, após ter sido expulso  pela ex-mulher. Alan traz de bagagem extra seu filho Jake (Angus T. Jones), que no início da série ainda era uma criança de dez anos.  Alan é o oposto de Charlie. É neurótico, metódico e não faz sucesso com as mulheres, além de não ter a condição financeira, digamos, abastada de Charlie. Para completar o elenco central temos a hilariante Bertha (Conchata Ferrel), empregada fiel e nada amável de Charlie. Não podemos esquecer de Evelyn Harper (Holland Taylor), a egocêntrica mãe dos irmãos Harper. A história se desenrola a partir da criação de laços entre Alan, Charlie e Jake. Aos poucos, Charlie começa a desenvolver um forte afeto pelo irmão e pelo sobrinho, porém sem perder seu estilo de vida.

Ao longo das oito temporadas, muitas coisas mudam na vida da família Harper, porém uma coisa permanece a mesma: A capacidade de arrancar gargalhadas do público com episódios espirituosos repletos de tiradas inteligentes e orginais que não cansam o público. Charlie além de mulherengo, também tem duas outras paixões: A bebida e as apostas. Com seu trabalho pouco cansativo, segue pelas temporadas dividindo seu tempo entre as farras e o convívio com o irmão e o sobrinho. Ao longo da série, Charlie mantém relacionamentos mais sérios com algumas mulheres, tentando ter um namoro convencional (chegando até mesmo a ser noivo).  Porém a mais importante presença feminina em sua vida é Rose (Melanie Lynskey),  sua vizinha neurótica que após ter passado uma noite com Charlie passa a persegui-lo. A saída da personagem foi muito sentida pelos fãs da série. Alan também tem seus momentos de sucesso, como quando se casa com Kandi (April Bowlby), uma bela garota de 22 anos. Enquanto isso, Jake atravessa sua transição da infância para a adolescência. Nesta oitava temporada, vemos Jake enfrentando os dilemas da idade e aproveitando as diversões da adolescência, seguindo alguns passos do tio. Alan continua se atrapalhando com sua vida amorosa e Charlie se mantém em sua rotina de solteiro, já que o noivado com Chelsea (Jennifer Bini Taylor) chegou ao fim na temporada anterior.

Em resumo, a série continua agradando ao público e também a crítica, colecionando até hoje 13 prêmios e  outras 32 indicações (incluindo prêmios Emmy e Globo de Ouro). Apesar da opinião de alguns críticos ser negativa e alegar que a série tem um tema repetitivo, os prêmios e a audiência provam que a série continua sendo uma das comédias mais bem sucedidas de todos os tempos.

Nota: 8.5

Confira a segunda abertura da série: