Contágio

O filme do diretor Steven Soderbergh, responsável por grandes sucessos como Traffic conta com um elenco de peso. Gwyneth Paltrow, Matt Damon, Laurence Fishburne, Jude Law, Kate Winslet e vários outros talentos. A atuação de todos é impecável, com destaque para o ator Jude Law, que interpreta um ativista australiano que acredita que toda a situação se trata de uma teoria de conspiraçao do governo.

A história começa com a personagem de Gwyneth Paltrow sentindo estranhos sintomas após chegar de uma viagem a Hong Kong. Após sofrer uma convulsão é levada ao hospital por seu marido, vivido por Matt Damon e morre subitamente. Poucas horas depois o filho da executiva apresenta os mesmos sintomas e morre. A partir dai começa a ser investigada a estranha doença que está acometendo cada vez mais vítimas ao longo do mundo. A equipe médica é liderada pelo renomado médico que representa a Organização Mundial da Saúde – Dr. Ellis Cheever, vivido por Laurence Fishburne que ao lado de Kate winslet luta para tentar achar a cura da misteriosa doença.

O filme segue um modelo bastante conhecido, o de filmes sobre epidemias mundiais que devastam a população do planeta. Porém o filme conta com elementos que o fazem se sobressair dentre os filmes já desgastados do gênero. Além de contar com grandes estrelas no elenco, estas conseguem equilibrar suas atuações dando sua contribuição para a trama. Outro ponto positivo de Contágio é o clima de especulações políticas que permanece em toda a história criando assim um suspense e clima de conspiração. Então entra em cena o blogueiro/jornalista investigativo Alan Krumwiede (interpretado por Jude Law) conspirando contra o governo e as indústrias farmacêuticas, incitando o uso de remédios homeopáticos e se tornando uma celebridade na internet.

A interpretação de Jude Law é realmente marcante e consegue dar uma leveza ao personagem. O final é ótimo, pois mostra como tudo começou e desvenda quem foi realmente o paciente zero e como se originou a epidemia. Em resumo, Contágio é um ótimo filme de um gênero já desgastado que traz ao expectador uma forma diferente de falar sobre um assunto já tão falado.

Nota: 7.5

Confira o trailer: